• 61 998 698 624 | 55 22 998 840 291
  • contato@oev.com.br

Adaptar ou Morrer: como a antropologia corporativa pode formar estratégias de negócios

Adaptar ou Morrer: como a antropologia corporativa pode formar estratégias de negócios

Raramente a percepção de negócios surge na mesma discussão que as ciências sociais como a antropologia. As ideias do negócio fornecidas pelo estudo da humanidade podem surpreender, e até mesmo alavancar vantagens na concorrência.


Adaptar ou morrer-Antropologia e a evolução da humanidade até a informática.

Há décadas apresento em minhas palestras sobre marketing a sigla AMM – Adapta, Migra ou Morre. Entusiasta e autodidata que sou sobre o comportamento nas organizações (Antropologia Corporativa), deparo-me com os conceitos apresentados a seguir, os quais sou defensor fervoroso e por este motivo compartilho aqui.

Raramente a percepção de negócios surge na mesma discussão que as ciências sociais como a antropologia. No entanto, um antropólogo corporativo, Andi Simon, se junta com o sucesso ao mundo dos negócios e as lições aprendidas no estudo da interação social humana ao longo dos milênios. As ideias do negócio fornecidas pelo estudo da humanidade podem surpreender, e até mesmo alavancar vantagens na concorrência.

Nosso sucesso vem de ajudar pessoas de todos os níveis a ver, sentir e pensar sobre seus negócios e sobre elas mesmas, com novos olhos“. “O valor real da antropologia é ajudar a pausar, sair e olhar o jeito que eles sempre fizeram as coisas, mas de novas maneiras – e depois fazê-las acontecer“. disse Simon.

No seu núcleo, a antropologia corporativa é sobre adaptação, tanto interna como externa. O mundo dos negócios sempre evolui, quer seja o alvorecer da inteligência artificial , o aumento do comércio eletrônico, a expansão de processos comerciais automatizados ou o influxo de trabalhadores milenarizados.

As operações empresariais estão sendo forçadas a mudar a maneira como fazem as coisas. Do lado de fora, os compradores estão respondendo de forma diferente, forçando as empresas a repensar suas estratégias de marketing, proposições de valor e seu envolvimento com o mundo em geral.

Darwin pode ter dito:” “Não é o mais inteligente ou o mais forte que sobrevive, mas o mais adaptativo“, disse Simon. “A adaptação e a evolução selecionam o mais apropriado de muitas opções para uma necessidade particular. O mesmo se aplica aos negócios de hoje. A antropologia é uma parte vital do kit de ferramentas de negócios para aqueles que querem entender seus avanços e como mantê-lo ativo e ágil em tempos de transformações velozes“.

Embora o estudo antropológico seja tipicamente concebido como análise de sociedades humanas passadas e presentes, as empresas são essencialmente microcosmos da sociedade. Cada empresa tem uma cultura e sua própria maneira de se envolver com o mundo exterior.

Ao estudar os hábitos, políticas e procedimentos dentro de uma organização e como eles mudaram ao longo do tempo, os antropólogos obtêm os mesmos insights que fariam ao estudar grupos sociais maiores“, diz Simon.

Ao examinar essas normas culturais e reavaliar o que funciona no ambiente empresarial moderno e o que não acontece, as empresas podem aproveitar as lições da antropologia para tornarem-se mais nítidas e, como resultado, mais competitivas. Ao conceber mercados e empresas como grupos humanos com suas próprias culturas e conjuntos de normas, fica muito mais fácil ver como a antropologia pode formar uma estratégia comercial eficaz.

Ou seja, ao não se atentar de forma metodológica às transformações impostas pela evolução da sociedade – “adaptação”, você corre o sério risco de ter de “migrar” para mercados inferiores, muitas das vezes menos rentáveis ou …

Quer saber mais? Acompanhe a nossa FanPage com as melhores dicas sobre marketing, vendas, atendimento, empreendedorismo e muito mais! Qualquer dúvida, é só entrar em contato através dos comentários ou no fale conosco. Se desejar, pode até sugerir um assunto do seu interesse.

 
Paulo Abreu

Escritor | Palestrante | Educador | Tutor
Atuação: Empreendedorismo – Marketing – Vendas – Atendimento – Negociação – Liderança – Gestão de Equipes

Deixe sua mensagem